Python – Codificando mais

Python – Codificando mais

python

Como Python pode ser uma linguagem amigável e fácil de aprender

 

Lembro de quando iniciei carreira em 2003, uma das primeiras “brigas” tecnológicas que presenciei foi PHP vs JSP/Java, e sobre quem dominaria o mercado. PHP sempre apostou na simplicidade enquanto JSP versava sobre robustez e elegância. Obviamente que esse tipo de questão nunca tem um vencedor, seja por questão de costume e produtividade, e até porque não dizer medo de perder prazos acordados, as equipes escolhem a plataforma com que estão mais acostumadas e que por consequência são mais produtivas, ou pelo menos assim se pensa.

De 2003 pra cá trabalhei com: PHP4, PHP5, C#, Silverlight, ASPX, JSP, Servlets, Struts 1 e 2, Spring Framework, Spring Roo, JBoss, Drupal, dentre outras tecnologias até me deparar com Python. Não que os frameworks e linguagens mencionados não sejam bons, mas sinceramente, sempre achei que eles poderiam ser mais simples e foi isso que me atraiu nessa linguagem de programação.

Começando a trabalhar com Python

Você pode começar a trabalhar com Python sendo um programador experiente em outras linguagens ou iniciante. A linguagem foi projetada de maneira que você possa trabalhar mais rápido que em qualquer outra linguagem. Iniciantes encontrarão aqui uma sintaxe clara e estrutura de indentação fácil de entender. Um dos princípios da linguagem é que “Explícito é melhor que implícito”, em termos práticos isso significa que o código que você está vendo, é o código efetivamente que está fazendo a sua aplicação rodar. Sem bibliotecas ocultas.

Amigável e fácil de aprender

Python dispõe de uma comunidade grande e ativa que promovem conferências, workshops e mantém listas de email, IRC channels abertos para quem precisar de ajuda. Além de documentação abrangente sobre Python também é possível contar com o StackOverflow para buscar ajuda em problemas específicos de uso da tecnologia.

Aplicações

Um importante fator de qualquer plataforma, é o número de bibliotecas que a plataforma dispõe. O Python Package Index (PyPI) hospeda milhares de módulos de terceiros pronto para uso. Os pacotes disponibilizados tanto pela biblioteca padrão quanto por contribuições da comunidade permitem infinitas possibilidades.

Open-Source

Python é desenvolvido sobre uma licença open source OSI-approved, tornando ele completamente
livre para uso e distribuição comercial.

Multiplataforma e multipropósito

Semelhante a Java, Python pode ser disponibilizado em diversos sistemas operacionais com o mesmo código. A linguagem permite ainda que você desenvolva para Web (Django, Flask, Piramid), Internet (E-mail processing, FTP, IMAP, …), bancos de dados, desktops, aplicações científicas, rede e jogos.

Se você ainda está na dúvida se Python é uma linguagem de programação confiável segue a lista de algumas empresas que a empregam em diversos sistemas críticos:

  • Google
  • Pinterest
  • Instagram
  • Mozila Firefox
  • National Geographic
  • The washington post

Sobre Alessandro Barbosa

Alessandro Barbosa é analista de sistemas e Co-fundador da Conatus Software. Durante os seus mais de 13 anos de carreira atuou na construção de software para desktops, sistemas web, aplicações mobile para Android, iOS e Windows Phone, e gestão de equipes utilizando metodologias ágeis, notadamente Scrum e Kanban, para clientes como Siemens, BenQ, SUFRAMA, C&A, Nokia e Microsoft. Gosta de ficar com a família nas horas vagas, jogos de tiro em primeira pessoa e futebol.

Quer mudar a realidade do seu negócio? Vamos conversar?